PUBLICIDADE

Prefeito e governador acompanham obras de pavimentação no Centro e na Parte Alta de Corumbá

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 27 de Maio de 2022

Renê Marcio Carneiro/PMC

Prefeito e governador vistoriaram obras nesta manhã

O prefeito Marcelo Iunes e o governador Reinaldo Azambuja vistoriaram nesta sexta-feira, 27 de maio, as obras de drenagem, pavimentação e recapeamento executadas em Corumbá com recursos do Governo do Estado.

A visita começou na rua América, onde o Estado está fazendo a troca das lajotas por asfalto CBUq (concreto betuminoso usinado a quente). O trabalho já contemplou a rua Colombo, entre a Antônio Maria Coelho e a Frei Mariano, e entre a Frei Mariano e a 15 de Novembro.

Na rua Dom Aquino, o serviço foi feito entre a Edu Rocha e a Major Gama; na Sete de Setembro, entre a Cabral e Dom Aquino; rua América, da 15 de Novembro até a Firmo de Mattos; na rua Colombo, entre a Antônio Maria Coelho e a 15 de Novembro; e na 15 de Novembro, da Cabral à Colombo.

O trabalho, executado pela Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul) contempla 14 quadras. A parceria entre Estado e município vai permitir ainda que diversas alamedas sejam pavimentadas com as lajotas retiradas da área Central.

“É um compromisso que fizemos com o governador Reinaldo Azambuja de reaproveitarmos essas lajotas em locais que ainda estão sem pavimento. E é bom lembrar que antes do lajotamento, vamos fazer toda a drenagem necessária nessas áreas”, afirmou o prefeito Marcelo Iunes.

No bairro Guató, Parte Alta de Corumbá, o prefeito e o governador estiveram nas vias onde o Estado fará o recapeamento completo. “São investimentos novos que mostram, mais uma vez, como o governador é parceiro da nossa cidade. Essas obras devem ir para licitação muito em breve”, finalizou o prefeito.

Reinaldo Azambuja reafirmou o compromisso do governo de iniciar brevemente a pavimentação asfáltica do acesso ao distrito de Albuquerque e implantação da estrada em direção ao Forte Coimbra, a partir da BR-262. Outro distrito que está sendo beneficiado com acesso rodoviário é Porto Esperança, cuja obra de abertura de estrada de revestimento primário está em andamento.

“Estamos integrando todo o Pantanal, do Nabileque a Nhecolândia e ao Paiaguás, são mais de R$ 400 milhões de investimentos, criando uma logística sonhada há muitos anos pelos pantaneiros de sair de Corumbá ou de Coxim e Rio Verde e chegar à divisa com Mato Grosso, no Rio Piquiri, levando também a energia solar a todas as propriedades”, citou o governador.

PUBLICIDADE