PUBLICIDADE

Processo Seletivo da Educação do Estado acontece nesta segunda; são quase 28 mil inscritos

Portal de Notícias do Governo de MS em 14 de Novembro de 2021

Com 28.647 inscritos no Processo Seletivo para contratação de professores temporários da Rede Estadual de Ensino (REE), as provas do certame acontecem nesta segunda-feira (15), nos municípios de Dourados e Campo Grande.    

Segundo dados da Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização (SAD), em Campo Grande são 22 locais de prova para os 18.463 candidatos. Já em Dourados, são 10.184 candidatos e 10 locais de prova. A edição da última sexta-feira (12) do Diário Oficial do Estado traz informações sobre o ensalamento dos inscritos, além de dispor sobre o horário de abertura dos portões, marcado para as 13h e de fechamento, às 14h, observado o horário oficial de Mato Grosso do Sul.     

O uso obrigatório de máscara, a utilização de caneta esferográfica azul ou preta fabricada em material transparente e a apresentação de documento original com foto também constam no Edital, que pode ser acessado na íntegra pelo www.imprensaoficial.ms.gov.br ou pelo site da organizadora, a Fapec, pelo link www.concurso.fapec.org.   

Os habilitados na seleção irão compor os quadros temporários da Educação Estadual nas modalidades de ensino que compreendem a Educação Infantil, com vagas para Campo Grande, além dos anos iniciais e finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio é Educação Especial, com vagas para os 79 municípios do Estado.   

Conforme a Secretaria de Educação (SED) a atribuição de aulas aos professores temporários do Banco Reserva acontece após a lotação de todos professores efetivos conforme a constituição das turmas em função da quantidade de estudantes matriculados em 2022. A assinatura dos contratos acontece no mês de fevereiro e o início do ano letivo, no mês de março.

“Com a contratação de profissionais qualificados, o Estado está assegurando o cumprimento do calendário escolar, além de garantir o acesso a uma educação pública de qualidade”, destaca a secretária Ana Nardes, ao avaliar que o estudante da Rede Estadual será o maior beneficiado.

PUBLICIDADE