Menu

Carnaval + Seções

Fale Conosco
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Cibalena faz “esquenta” para desfile e pede solidariedade aos foliões

Lívia Gaertner em 03 de Fevereiro de 2013

Tão tradicional quanto o desfile da sexta-feira de carnaval, a descida antecipada do Cibalena atrai muitos foliões. Precedida de uma grande promoção com comidas e bebidas, o bloco de sujos promove uma espécie de "esquenta" para a folia oficial.

"O povo gosta, o corumbaense tem essa características de gostar de estar junto com os outros, herdamos isso do Rio de Janeiro e nos adaptamos a isso", disse o presidente do bloco Elias Ferreira ao justificar o sucesso do "esquenta" que o Cibalena promove a cada carnaval.

Anderson Gallo

Cibalena foi o prmeiro bloco a passar pela avenida durante a programação pré-carnavalesca

Este ano, o bloco inovou e trouxe as barracas e as bandas para o Jardim da Independência, no sábado (02), deixando a rua Cuiabá, onde nos últimos anos promoveu seus eventos pré-carnavalescos. Outra novidade foi a apresentação de uma nova marchinha para embalar os foliões. Intitulado de "Acorda Bebê", numa referência a uma brincadeira com o vice-presidente do bloco, Erasmo Ferreira, a composição traz em sua autoria Sandro Nemir, com arranjos de Nilsinho e Pedrinho.

"Vendemos muitos CD's, o que mostra que a música foi bem aceita. Porém, não deixaremos de tocar no dia do desfile o hino do bloco", disse o presidente ao lembrar a letra que diz em seu refrão: "Sou atrevido, sou garanhão, sou Cibalena de coração".

Aliás, ele avalia que o diferencial do Cibalena está na forma como o bloco é conduzido. Ao invés de incorporar outros ritmos, o bloco mantém as marchinhas como as atrações musicais. "A tradição das marchinhas foi passada aos mais novos pelos pais. Quando toca uma marchinha, hoje não tem idade, é criança, todo mundo dança", justificou ao Diário.

Tinha folião com camiseta do bloco, de roupa cotidiana, mas não foi raro ver aqueles que capricharam na fantasia. Com destaque para o rosa, a roupa de Jorge Fernando Queiroz chamava atenção. Feita artesanalmente, a fantasia de He-Man Gay fez sucesso entre os foliões.

Jorge Fernando caprichou na fantasia de He-Man Gay

"A gente vem prestigiar o Cibalena e aproveitar para ver nossa avenida, como deve estar no dia do desfile. Só que na sexta vai ser outra fantasia porque essa não vai aguentar até o final da avenida", disse o rapaz que tinha um grupo de amigos também fantasiados como companhia.

"Cibalenar é brincar, se divertir sem briga, curtir a passarela do samba com os amigos que estão junto da gente o ano todo", explicou Jorge que há oito anos desfila com o Cibalena.

Solidariedade

O presidente do bloco Elias Ferreira faz um apelo a todos os foliões que desfilam com o Cibalena. Segundo ele, quem levar um quilo de alimento não-perecível, exceto sal, ganhará uma senha para concorrer a camisetas e CD's do bloco. Esses alimentos serão doados para a família de Greice Soares Roque, 26 anos, que foi morta em novembro passado num crime que chocou a sociedade corumbaense. O corpo da jovem, que era mãe de três filhos, foi encontrado dentro de uma mala quando um militar da Marinha, acusado pelo crime, tentava se desfazer do cadáver.

Com a morte de Greice, as três crianças ficaram sob os cuidados da avó que, recentemente fez um apelo pela rádio Nova Clube AM, explicando que ficou muito difícil criar os menores sem a mãe, que financeiramente custeava as despesas da família.

"A gente está unindo a festa com o lado social. Temos que ter essa reponsabilidade, esse cuidado com o outro, principalmente porque são crianças que perderam a mãe num crime tão brutal. É o mínimo que a gente pode fazer", disse Elias ao reforçar que espera um aumento de público neste carnaval.

"Ano passado tivemos cerca de 20 mil pessoas, agora, calculamos que serão 25 mil desfilando conosco", falou ao lembrar que o tradicional concurso para a escolha da Rainha do Cibalena terá, desta vez, além de troféus, premiação em dinheiro.

A previsão de descida do bloco é às 21 horas da sexta-feira (08), já o concurso deve começar às 20 horas. A concentração inicia às 17 horas, na rua Cuiabá, 542, quase esquina com a rua Tiradentes, na área central da cidade.

Galeria: bloco cibalena 2013

Abrir Super Galeria
Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
Fale com o Jornalista
Comentários:

suely de moura cavana: infelismente fazem dois anos q nao saio no esquenta do cibalena adorooooo,e o fervo.mas no carnaval to ai pode deixar.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE